| em 30 junho 2011

Os benefícios e o poder nutritivo da banana verde

Produzida na maioria dos países tropicais, a banana é uma das frutas mais consumidas no mundo, tendo o Brasil como o segundo maior produtor e primeiro consumidor mundial. As variedades mais difundidas no País são: Prata, Maçã, Terra e Nanica.

A banana é considerada hoje uma das principais fontes de amido na dieta dos trópicos, onde é consumida normalmente cozida quando ainda verde. A análise da composição química comprova que a banana não é somente rica em carboidratos e energia, mas possui também elevadas proporções de minerais e vitaminas.

A banana verde na forma cozida é apropriada ao preparo de subprodutos, como a farinha e a biomassa (polpa e/ou casca verde cozida e processada), devido ao seu alto conteúdo de amido presente na polpa e também nas fibras na casca. Outra vantagem para sua utilização, é a palatabilidade conferida pelo amido presente na banana verde, que é bastante superior ao das fibras provenientes e cereais integrais, permitindo sua aplicação nas mais diversas preparações de doces e salgados, que ficam ainda mais nutritivas.

A banana apresenta boas quantidades de minerais, que pouco variam com a maturação da fruta, sendo sempre um pouco maior nas bananas verdes. Os minerais que mais se destacam é o potássio, fósforo, cálcio, sódio e magnésio. Quanto às vitaminas, as que mais chamam atenção são a A, C e complexo B. A vitamina C atinge seu ponto máximo na primeira fase de maturação (coloração verde-amarelada), decaindo até níveis mínimos quando a casca começa a apresentar machas marrons.

Além de minerais, vitaminas e proteínas, a banana verde destaca-se pelo seu conteúdo e Amido Resistente (AR) forma do amido e dos produtos de sua degradação que não são digeridos e absorvidos no intestino delgado de indivíduos sadios, podendo ser fermentado no intestino grosso.


Farinha de Banana verde para emagrecer

A farinha de banana verde tem apresentado ótimos resultados paras as pessoas que desejam perder alguns quilinhos e conquistar a silhueta dos sonhos. Após alguns estudos, especialistas constataram que a banana verde é mais rica em fibras do que a versão madura. Depois disso tiveram a idéia de aproveitar esses benefícios transformando-a em farinha para auxiliar no emagrecimento.

A farinha de banana verde emagrece porque contém um tipo de carboidrato presente na casca da fruta, o amido resistente,consegue passar intacto pelo intestino delgado e só é fermentado ao chegar ao intestino grosso.

Os benefícios são muitos entre eles a melhora o funcionamento do trânsito intestinal e maior sensação de saciedade. Vale lembrar ainda que o amido resistente retarda a absorção de glicose e de gorduras. Os resultados do emagrecimento começam aparecer em média, após duas semanas de uso.

Os benefícios da farinha

• Ajuda a emagrecer;
• Retarda a absorvção da glicose e diminui diabetes;
• Melhora a prisão de ventre;
• Promove sensação de saciedade e diminui a fome;
• Evita caimbras musculares e acelera o metabolismo;
• Evita doenças cardíacas;
• Acelera o metabolismo;
• Evita câncer de próstata.

Como consumir a farinha para emagrecer?

Devem-se consumir apenas 2 colheres (sopa) da farinha de banana verde ao dia. O ideal é que essas porções sejam incluídas no almoço e no jantar. A farinha ainda pode ser diluída em água e bebida duas vezes ao dia nas quantidades descritas acima.

Contraindicações:

Não existem contraindicações para o consumo da farinha de banana verde . A única ressalva é aumentar a ingestão de líquidos, pois sem hidratação o alto consumo de fibras pode gerar prisão de ventre e ressecamento nas fezes.

A farinha de banana verde pode ser encontrada facilmente à venda em lojas de produtos naturais ou até mesmo comercializadas em algumas farmácias e drogarias . Mas nada impede que você faça em casa a receita , basta seguir corretamente o passo a passo abaixo é simples.


Receita da farinha de banana verde

Ingredientes:

bananas verdes de preferência tipo prata

Modo de Preparo:

Escalde as bananas em água fervente, por dois minutos. Descasque e corte em tiras. Coloque em um tabuleiro, dispostas lado a lado. Leve ao forno e deixe torrar até ficarem esturricadas, quebradiças e esfarinhando na mão. Passe em uma máquina de moer ou liqüidificador e depois passe em uma peneira fina.


A banana verde e o Diabétes

"Esse amido resistente passa direto pelo intestino delgado, não é nem absorvido, nem digerido. Quando ele chega ao intestino grosso, é digerido pelas bactérias que ali existem. Essas bactérias, quando digerem esse amido resistente, produzem substâncias que são benéficas, tanto no intestino grosso como no nosso organismo em geral", acrescenta Milana Dan. Benefícios que vão desde nos proteger contra um câncer de intestino até evitar o aumento de glicose no nosso sangue e como conseqüência, o diabetes.

"É importante sempre procurarmos controlar a glicemia – a glicose no sangue – e os níveis de insulina também", orienta a doutora em ciência dos alimentos Elisabete Wenzel de Menezes. Mas como ninguém vai comer banana que ainda não está madura, foi desenvolvida uma farinha: a farinha de banana verde. Os resultados mostram uma grande diferença no aumento da glicose no nosso sangue.

"Quando consumimos a banana madura, esse aumento é elevado e rápido. Quando consumimos a farinha de banana verde, esse aumento é muito menor e bem lento", informa Milana Dan. O processo de fabricação da farinha, totalmente desenvolvido na Escola Politécnica da USP, já foi inclusive patenteado.

"Na fabricação da farinha de banana verde, você pode utilizar até aquelas bananas que normalmente são rejeitadas para a comercialização", diz a doutora em engenharia química Tatiana Tribess.

"De 40% a 50% do que é produzido de banana no Brasil não são utilizados como alimento", ressalta a doutora em tecnologia de alimentos Carmen Tadini.


Sem Glúten

As farinhas de banana são alimentos funcionais isentas de glúten, aditivo químicos, com propriedades nutritivas naturais e relevantes que atuam como auxiliar nos estados de crescimento e desnutrição em crianças,adultos,atletas e pessoas que praticam esportes em geral. E uma nova opção para substituir a farinha de trigo e os produtos que contém glúten. Com sabor agradável, propriedades nutritivas e naturais, são qualidades que preenchem as grandes lacunas existentes para as pessoas com intolerância ao glúten.

Consumir a farinha de banana verde é um dos desafios. Como ela possui um sabor neutro, pode substituir em parte a farinha de trigo.


Propriedades e benefícios da Farinha de Banana

• Não contém glúten. - Prepara deliciosas vitaminas: com banana, morango, com frutas, shakes. - Faz pães saborosos fofinhos e consistes.
• Tem propriedades nutritivas naturais relevantes para crianças e esportistas. - Prepara pizzas, tortas salgadas, bolos. - Conserva as qualidades naturais da banana.
• É isenta de conservantes químicos, - Por ser natural é bem absorvida.
• É utilizado todo o fruto no processamento dos produtos, inclusive a casca que favorece um aporte considerável de fibras.

Tem importantes valores nutricionais destacando-se pela concentração de amido resistente para o bom funcionamento da flora intestinal e fibras alimentares, além das vitaminas, proteínas, sais minerais, que fazem parte da sua composição, Auxilia as crianças em estados de crescimento e desnutrição.


Receita de Biomassa de Banana Verde

Ingredientes:

2 bananas-nanicas ainda verdes

Modo de Preparo:

1. Numa panela de pressão, coloque as bananas e acrescente 2 “dedos” de água;
2. Cozinhe por aproximadamente 7 minutos e escorra a água;
3. Descasque as bananas, amasse ainda quente ou passe num processador até formar um purê (pode acrescentar mais um pouco de água nesta etapa);
4. A massa pode ser utilizada em mingau de aveia, sopas ou misturado com outros alimentos quentes ou frios! Doces ou salgados! Abuse da sua criatividade!!
5. Guarde a sua massa na geladeira, ela dura até 4 dias.

Rendimento: 8 colheres de sopa


Nhoque de Banana Verde:

Ingredientes:

Massa
- 6 bananas verdes (800 g de bananas cozidas e descascadas)
- Água quente o suficiente para cobrir as bananas quando cozinhar (1,5 litro mais ou menos)
- 2 colheres (sopa) de maionese light
- 70 g de farinha de trigo (aproximadamente) misturada com 20g de farinha de trigo integral, 10 g de farinha de arroz e 1 colher (sopa) de açafrão

Molho
- ½ cebola picada
- 2 colheres (sopa) de óleo
- Casca das bananas cozidas, já reservadas e picadas
- 100 g de carne moída
- 500 g de purê de tomate (embalagem longa vida)
- 1 pimentão vermelho grande
- 1 dente de alho amassado
- Sal a gosto
- Orégano a gosto
- Manjericão a gosto

Modo de preparar:

Massa
Prepare a Biomassa da banana verde e misture com a maionese light e misture. Coloque a mistura das farinha e o alçafrão, até dar o ponto de enrolar. Faça os cordões e corte com a faca. Leve para cozinhar em água fervente com óleo e sal.

Molho
Numa panela refogue a cebola e o alho no óleo. Deixe dourar, junte as cascas de banana, a carne e frite por uns 15 minutos. Adicione o purê de tomate, a água e deixe ferver. À parte, bata no liquidificador o pimentão com um pouco do molho. Misture ao restante do molho e deixe ferver por 10 minutos aproximadamente. Sirva com o nhoque.


Referências:

- http://todaperfeita.com.br/
- http://www.aloevita.com.br/
- http://www.minhavida.com.br/
- http://nutricaoolistica.blogspot.com/
- http://blog.jarioaraujo.com/ OU http://blog.jario.co/



VISITE: CORPO PERFEITO
Beleza e Saúde, Esportes, Fitness,
Roupas e Acessórios, Suplementos Alimentares



Arquivado em | , .



Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):